Posts Populares

Happy Birthday ^^

By : Janaína Pupo


Meus amores, hoje é meu aniversário (26/08), então deixarei para responder e-mail de leitor, na próxima semana, ok?
E tô aqui pra falar do meu presente, a cara nova do blog. Eu simplesmente amei, estou apaixonada por cada detalhe e espero que, vocês tenham gostado tanto quanto eu.

Quem fez esse trabalho lindíssimo e me presenteou, foi o meu queridíssimo Amauri. Aliás, super indico esse profissional. Amore, muitíssimo obrigada, nem eu esperava por tamanha surpresa. Estou muito feliz!

Minhas delícias, até loguinho e ótima semana pra vocês.

Beijos.
Jana Pupo.

P.S: Se você me enviou e-mail e ainda não respondi, peço um pouco mais de paciência, que assim que der, respondo, ok?


*

Ahhh, e você tem "feicebuqui", né? Então add. aí a titia Jana e aproveita pra curtir a fan page do blog, ok?

Facebook / Fan Page / Twitter

*


Quem ainda não tem meu livro "Sexo, a gente lê por aqui" pode comprar direto no site da editora. É só clicar nesse link.


Dicas, dúvidas, críticas e sugestões escreva para:
jana.pupo@yahoo.com.br

Vontade de ser estuprada.

By : Janaína Pupo

Amores, tudo bem?

Tô sumida daqui, eu sei, mas é culpa do tempo, que anda curto ou passando rápido demais? Enfim... estou até pensando em começar a postar aqui também e-mails "jogo rápido", "pá pum", toma lá dá cá, sabe? Perguntas diretas (com tema "diferente")que recebo de leitores e respostas curtas. Não abortarei os textos longos, explicadinhos, de forma alguma, mas assim, o blog não fica parado. O que vocês acham, delicinhas da Jana?

Ok, o papo está bom, mas é hora de acudir mais uma leitora. Bora lá?

"Meu nome é Paula e vou direto ao assunto. Sou casada há 7 anos e adoro a sensação de ser estuprada. Nunca sofri abuso sexual, nem fui bolinada ou algo do tipo, é só questão de gosto mesmo. E meu marido sempre fantasia comigo é uma delícia. O que quero saber é: sou doente, anormal por gostar disso?"

Paula, querida... relaxa, minha frô. Muitas mulheres (muitas mesmo) tem essa fantasia. Mas geralmente, esse desejo, essa fantasia de ser estuprada, não quer dizer que a moça quer ser pega na rua por um estranho, ser ameaçada, espancada, ficar banguela, ser torturada. Nada disso. Ela quer é ser dominada, sentir-se indefesa, pode até querer um sexo mais violento, selvagem, com uns tapas na bunda (tem as que adoram apanhar na caraaa)uns puxões de cabelos, algumas palavras vadias etc...
Paula, você não é anormal e muito menos, doente.
Conversando com um amigo, o escritor Dyas (blog - Facebook), ele mencionou o seguinte:

"Em geral, as mais dominadoras tem esse desejo. Algumas gostam de ser dominadas contra a própria vontade... Tem as que sofreram algum tipo de abuso e tiveram a tal da síndrome de Estocolmo (afeição criada em relação ao seu raptor)... Acabam só sentindo prazer se for dessa forma..."

Interessante, né?

Não dá pra saber quais fantasias sexuais as pessoas desenvolverão durante a vida. Tem gente que tem fantasias bem diferentes (parafilia), tipo: fantasiar com seres imaginários (não tive nem amigo imaginário na minha infância e vou querer ter pinto imaginário há essa altura do campeonato? Eu hein! Ver o "cardápio" e não provar é do cu cair da bunda.), fantasiar com balões de látex (e essa pessoa em uma festa infantil? Cuidado hein, Patati Patata), tem aqueles que sentem tesão pela riqueza, adoram acariciar diamantes, ouro, prata, cartão sem limite (é sério, gente). Um(a) pobre morre, caso desenvolva essa vontade.

E comer fezes? Ahhh colega, desculpa ae, mas se esfregar, chafurdar e comer bosta, não rola. E sentir prazer em levar banho de vômito? Minha nossa, deixa eu parar que, além de enjoar, tá dando cãibra no meu rosto, de tanta careta que estou fazendo imaginando um nojo desse.

Outro dia, eu falo sobre as outras várias fantasias "estranhas".

A nossa mente é assim, capaz de fantasiar coisas escalafobéticas. Não tenho nada contra, nem posso julgar, mas certas "paradas" como, comer merda, beber mijo, tomar vômito de sobremesa? Ta tirando, né? Tô fora!

Paula, aproveita bastante o teu bofe, que topa realizar sua vontade. Desde que o prazer seja para ambos, acho válido. Mas não permita que esse desejo se torne exclusivo, pois pode virar uma rotina e é sempre bom variar. Arroz e feijão todos os dias eu como sim, mas estou sempre temperando com algo diferente, assim, o tesão só aumenta, apimenta e a vida sexual não se torna aquela "bolacha sem graça de água e sal".

É isso, meu povo.
E se você me mandou e-mail e ainda não respondi, só peço um pouco mais de paciência, pois em breve, responderei todos.

Beijos e boa semana,
Jana Pupo

*

Ahhh, e você tem "feicebuqui", né? Então add. aí a titia Jana e aproveita pra curtir a fan page do blog, ok?

Facebook / Fan Page / Twitter

*


Quem ainda não tem meu livro "Sexo, a gente lê por aqui" pode comprar direto no site da editora. É só clicar nesse link.


Dicas, dúvidas, críticas e sugestões escreva para:
jana.pupo@yahoo.com.br

- Copyright © 2013 Janaina Pupo - Traduzido Por: Template Para Blogspot