Posts Populares

Não fui com a cara do pau dele.

By : Janaína Pupo


"Meu nome é Sandy, tenho 25 anos e estou me sentindo a mulher mais escrota da terra. É que conheci um homem lindo, inteligente, super agradável, o papo delicioso, carinhoso, romântico, enfim. Ele era perfeito até o dia que, voltando de um jantar, quando ele veio me deixar em casa, na hora da despedida ele me beijou e começamos a trocar carícias dentro do carro. Fiquei louca, um tesão absurdo e quis fazer um oral bem gostoso nele, pra deixar aquele gosto de quero mais, só que, quando me inclinei e fiquei de frente com o pênis dele, juro Jana, senti nadaaaa! Que pinto feio! O rapaz é bem branco, mas o pinto dele é roxo! Eu achava estar apaixonada, até aquele momento. E desde então, já faz duas semanas, o cara não para de me ligar e não sei mais que desculpa usar. Já falei de tudo, mas não tenho coragem de chegar e dizer: "Querido, não vai rolar nada entre nós, não tô afim". Sei lá, acho grosseiro dar um fora assim, mas também não suporto mais nem ouvir a voz dele. Socorro, que eu faço?"






Sandy, sua devassa que fica selecionando pau's! Que mal vai te fazer um cacete roxo? O dono do cacete é corintiano?

Brincadeira Sandy, eu também sou "selecionadora". Já "saí do rolê" quando fiquei "cara a cara" com certos pau's, mas a cor nunca me assustou. Roxo é fashion, Sandy hahahahahahaha. Comigo não rola pau sujo, oleoso, com muito excesso de pele, porque odeio pescoço de frango. Sendo limpinho, cheiroso, pode ser um arco-íris, torto, PMG, meu tesão permanece. Mas quem sou eu pra te criticar?

Seguinte Sandy, pelo jeito, a única saída, é você ser verdadeira com o bofe do cabo roxo. Dizer o que você citou que não tem coragem de falar. Jogar a real, que não está mais afim, que não vai rolar. Mesmo porque, assim você não fica iludindo o mocinho e libera o roxinho (ou roxão?) para fazer sucesso em outra freguesia, né amiga?

Gosto é foda, uns amam, outros odeiam, faz parte. Melhor sair fora do que trepar por trepar, porque aí sim, você irá se sentir escrota. Não sou contra a mulher que dá por dar, é dela, se ela quer, problema dela. Eu, Janaina, não dou por dar, não curto.
O que é dar por dar?
Pra mim? É quando você não quer algo, mas agarra, nem que for só por algumas horas, só para agradar o outro. Igual quando você está de dieta, aí vem uma pessoa e te oferece rapadura. Você detesta rapadura, mas aceita pra não fazer "pouco caso". Você come, odeia, fura a dieta e fica com aquele gosto da rapadura  pra que? Pra agradar a(o) dona(o) que te ofereceu a mardita rapadura? Tô fora!

Tá fácil, seja sincera com o Alemão, libera o bofe e bora ser feliz com o pau da cor que você curte =)
Só não esquece a camisinha, okay baby?

Beijos, delícias
Jana Pupo

Dicas, dúvidas, críticas e sugestões escreva para:
jana.pupo@yahoo.com.br

Ela quer me dar "de coração".

By : Janaína Pupo

"Meu nome é Alberto, tenho 29 anos, solteiro, independente e passando por um dos momentos mais constrangedores da minha vida. Conheço uma mulher há três anos, somos amigos de trabalho e ela sempre jogou charme pra cima de mim, mas nunca correspondi. Só que de um tempo pra cá, ela tem sido totalmente explícita e me colocou na parede, dizendo que quer me dar de coração a "Julieta" dela. Eu já não tinha tesão na mulher, depois que ela se referiu a própria vagina como Julieta, brochei de vez. E agora a situação está insuportável, ela falta dizer que sou gay, que não tenho tesão por mulheres e não quero ser grosseiro, dizer que não sinto tesão é por ela. O que eu faço? Essa mulher está me sufocando. Não vou ficar, transar, muito menos me envolver com ela, não quero! Os brothers do escritório dizem pra eu comer e sair andando, mas não sou desse tipo. Você, como mulher, que conselho me dá, Jana?"

Gato, seguinte, diz pra ela que o seu Romeu morreu envenenado, ponto!

Sabe que eu fico envergonhada quando sei de casos assim, de mulher desesperada por um robalo, tipo, quase colocando a xereca na rifa, no bingo ou fazendo promessa. Conheço mulheres que se humilham, imploram, faz joguinhos, tudo pra ver se aquele bofe cai na dela e se não obtêm resultado, aí que a danada insiste em querer.

Alberto, infelizmente, pelo o que você escreveu no e-mail, o caso da sua colega de trabalho é tesão antigo por você e, se você realmente não quer nada com a mesma, o jeito é jogar limpo, não precisa ser grosso, mas seja claro, tipo: Fulana, não vai rolar nada entre nós, portanto, não insista, pra não ficar um clima chato. Ou então, se ainda assim ela insistir, aí honey, você terá que ser mais rude, tipo, "Se toca, não quero te comer!"

Tenho uma conhecida que, os alvos dela sempre são os homens que não a querem nem pintada de ouro, pois ela insiste mais e mais, diz que a rejeição a excita, vai entender? Ela só larga do pé da presa, quando é maltratada pra valer. De boa? Eu não suportaria algo assim.

Não estou dizendo que sua colega de trabalho é dessas, mas não tem muito o que você fazer. Ela quer te "dar de coração" e você, mais de coração ainda, não quer saborear a Julieta da moça, sendo assim, não tem que enfiar o pinto na coitada só pra ela te dar sossego, é só jogar a real. Não quero e pronto!

Eu sei que a situação é delicada, mas qual outra atitude você pode tomar?
E dane-se se ela achar que você é gay, melhor ser chamado disto ou daquilo, do que fazer algo que NÃO ESTÁ COM VONTADE.

Mulher é foda, somos fodas, mas as oferecidas, confesso, me dão vergonha. Não estou falando que a garota não deve chegar no cara e tal, oferecida que digo é, a mulher sacar que o cara não quer nem mesmo transar e ainda assim, ela falta colocar
a buceta em 3D pra ver se chama a atenção do cidadão, da presa. Falta de amor próprio, falta de vergonha na cara, falta de sei lá o que.

Como é difícil se livrar de uma pessoa fácil, né? Mas calma, amigo, uma hora a bendita desiste (ou não) ;)

Beijos e boa semana, amores.
Jana Pupo.


Dicas, dúvidas, críticas e sugestões escreva para:
jana.pupo@yahoo.com.br


- Copyright © 2013 Janaina Pupo - Traduzido Por: Template Para Blogspot